OverClock
Segunda, 06 de Julho de 2020

OMS vai receber em breve resultados de testes de medicamentos para a COVID-19 Segunda, 06 de Julho de 2020

OMS vai receber em breve resultados de testes de medicamentos para a COVID-19

A OMS (Organização Mundial de Saúde) vai, em breve, obter os resultados de testes clínicos de medicamentos que podem ser efetivos no tratamento da COVID-19. 

Segundo declaração de Tedros Adhanom Ghebreyesus, diretor geral da organização, feita nesta sexta-feira (3), cerca de 5.500 pacientes em 39 países foram recrutados para trabalhar em seu programa de testes, o Solidarity, e os resultados devem ser divulgados em duas semanas.

O programa Solidarity, ou Solidariedade em português, começou divido em cinco partes, testando medicamentos que possam combater o novo coronavírus. Entre os remédios testados estão o antimalárico hidroxicloroquina, ou cloroquina, o lopinavir/ritonavir sozinhos, usado contra a HIV, e o lopinavir/ritonavir combinado com interferon.

-
Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no Telegram e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.
-

Tedros Adhanom Ghebreyesus, diretor-geral da OMS (Foto: Reprodução)

Mike Ryan, chefe do programa de emergências da OMS, falou à imprensa sobre a vacina contra a COVID-19, afirmando que seria imprudente de sua parte prever quando a prevenção estaria pronta para ser distribuída. 

Caso alguma vacina funcione e seja aprovada até o fim do ano, a próxima questão a ser resolvida será a produção em massa, para que fosse distribuída à população o quanto antes. Cerca de 18 possibilidades da vacina estão sendo desenvolvidas, algumas já apresentando resultados positivos. Ryan aproveitou a coletiva de imprensa para lamentar as consequências trazidas com a pandemia.

"Lamento que não houve o acesso justo e acessível às ferramentas da COVID. Lamento que alguns países tenham mais que os outros, e lamento que alguns países tiveram trabalhadores da linha de frente que morreram por causa disso", completou.

 

Leia a matéria no Canaltech.


Compartilhe: https://tinyurl.com/y84s2sqw