OverClock
Terça, 07 de Julho de 2020

8 configurações que todo usuário de iPhone precisa conhecer hoje mesmo Terça, 07 de Julho de 2020

8 configurações que todo usuário de iPhone precisa conhecer hoje mesmo

Atualmente, os modelos de iPhones possuem excelentes recursos que permitem boas experiências de usuário. No entanto, ainda é possível ajustar algumas funções que vão fazer com que você tire um maior proveito do seu iPhone.

Dentre elas, é possível habilitar o modo escuro do iOS e desabilitar o brilho automático para ter um consumo menor de bateria, desativar funções durante a noite para não ser incomodado e até mesmo ter um controle melhor da sua privacidade.

Se você comprou recentemente um iPhone ou já é um usuário assíduo, confira neste tutorial 8 configurações que você deve alterar agora para tirar melhor proveito do seu celular.

-
Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.
-

1. Habilite o modo escuro no seu iPhone

O modo escuro tem se tornado uma tendência entre diversos apps e sistemas operacionais mobile. Este modo ajuda a evitar o incômodo dos olhos com alta luminosidade da tela, causada pela luz branca, além de fazer com que os dispositivos tenham baixo consumo de bateria.

Para habilitar o modo escuro no iOS, abra o app “Ajustes” na página inicial do seu iPhone e selecione a aba “Tela e Brilho”. Na opção “Aparência”, você pode ajustar o brilho da tela e selecionar a opção “Escura”.

Habilite o modo escuro do iOS acessando a aba "Tela e Brilho" (Captura de tela: Matheus Bigogno)

Com o modo escuro ativado, não só o sistema operacional irá ficar escuro. Diversos apps não nativos também vão receber o recurso e ter as suas cores ajustadas.

2. Desabilite o brilho automático

Apesar de muitos modelos terem um bom reconhecimento da luz ambiente para ajustar o brilho automático da tela, este recurso pode impactar bastante no consumo de bateria do seu iPhone. O recurso já vem ativado nos celulares, mas pode ser desativado pelos próprios usuários.

Para desativar o recurso, abra o app "Ajustes", clique em "Acessibilidade", acesse a aba "Tela e Tamanho do Texto" e desabilite a opção "Brilho Automático".

3. Ative o modo "Não Perturbe"

O modo “Não perturbe” do iPhone pode ser uma excelente opção para os usuários que possuem sono leve e acabam acordando com algum barulho de notificação durante a noite. Quando ativado, o recurso é capaz de silenciar todos os alertas do seu iPhone.

Existem dois jeitos de configurar o modo “Não Perturbe”. O primeiro deles, é acessando o app “Ajustes” e clicando em “Não Perturbe”. Você pode fazer os ajustes manualmente nesta aba.

Você pode fazer configurações mais precisas na aba "Não Perturbe", acessando pelo app "Ajustes" (Captura de tela: Matheus Bigogno)

O segundo, pode ser feito diretamente na Central de Controle. Mantenha pressionado o dedo sobre o ícone de “Lua crescente” para definir os ajustes, ou toque no mesmo ícone para ativar ou desativar o recurso.

Você pode fazer configurações rápidas do modo "Não Perturbe" pela Central de Controle do iPhone (Captura de tela: Matheus Bigogno)

E, caso alguém precise se comunicar com você, você pode configurar para que o telefone receba chamadas de contatos da sua lista ou caso o mesmo número tenha ligado mais de uma vez para você.

4. Configure mais digitais para desbloquear a tela

O desbloqueio de tela por digital é um excelente recurso e é utilizado por diversos usuários. No entanto, ao longo do dia, o dedo pode sujar ou ficar engordurado, o que pode dificultar este processo.

Por isso, você pode configurar mais digitais para desbloquear a tela para que, caso problemas desse tipo ocorram, você pode utilizar outros dedos. Para fazer isso, acesse o app “Ajustes”, clique em “Touch ID e Código”, insira o seu PIN, selecione o item “Adicionar Impressão Digital” e siga os passos até completar o processo.

5. Configure um Visual Alternativo para o Face ID

O recurso de reconhecimento facial da Apple possui um algoritmo aprimorado que consegue analisar diferentes aspectos do seu rosto a cada digitalização que você realiza. Mas, se você está tendo dificuldades com o reconhecimento, pode configurar uma aparência alternativa. Para configurar outro visual que deve ser reconhecido pelo Face ID, acesse o app “Ajustes”, clique em “Face ID e Código”, acesse o item “Configurar um Visual Alternativo” e siga as instruções na tela.

Além disso, o telefone também possui diversas opções de acessibilidade para o Face ID. Basta apenas acessar o item “Opções de Acessibilidade” caso você tenha limitações de movimentação da cabeça.

Para usuários com deficiências visuais, existe a possibilidade de acessar o app “Ajustes”, clicar em “Acessibilidade” e fazer ajustes para que não seja preciso olhar para o iPhone para que o reconhecimento seja feito.

6. Ajustando a sua Central de Controle

A Central de Controle do seu iPhone é um local de acesso rápido que já possui vários recursos como habilitar o “Modo avião” ou acessar o Wi-Fi. Mas ele pode ser mais do que isso.

Você pode configurar os recursos que você mais utiliza na Central de Controle para que tenha acesso a eles com apenas um comando. Isso pode fazer você ganhar tempo para acessar estes recursos que você já utiliza com frequência.

Para personalizar este recurso do seu iPhone, clique no app “Ajustes”, selecione o item “Central de Controle”, clique em “Personalizar Controles” e faça os ajustes que melhor atendem às suas necessidades.

Acesse a aba "Personalizar Controles" para fazer os ajustes que melhor atendem às suas necessidades (Captura de tela: Matheus Bigogno)

7. Faça a Siri aprendender quem são seus contatos

A Siri é uma assistente virtual que possui inúmeros comandos. Um deles, é a função de pedir para ligar ou mandar mensagem para alguém. Em vez de dizer “Mande mensagem para alguém”, você pode treinar a assistente de voz para que ela saiba qual a relação você tem com os seus contatos.

Chame a Siri e diga algo, como por exemplo “nome da pessoa é meu irmão”. Assim que a Siri aprender esta relação, você pode fazer o pedido: “Siri, ligue para o meu irmão”. Então, a assistente virtual fará a ligação para este contato no seu telefone.

8. Configure a privacidade dos seus apps

É muito comum que os usuários criem o hábito de aprovar sempre que um app pede permissão para acessar alguma informação do seu celular. No entanto, é preciso ficar muito atento aos pedidos de permissões e a privacidade dos apps que você utiliza.

Navegue mais pelas configurações de privacidade de cada app e faça os ajustes do que cada um deles pode ou não acessar em seu dispositivo. Com esta atitude, você pode garantir que os apps vão acessar só as informações que você permitiu, e nada mais.

Agora que você realizou estes ajustes em seu iPhone, pode tirar melhor proveito do seu celular no seu cotidiano e ainda ter acesso a mais recursos que o iOS tem a oferecer.

Leia a matéria no Canaltech.


Compartilhe: https://tinyurl.com/y9t3bswg