OverClock
Quinta, 22 de Agosto de 2019

Próximo iPhone receberá grande update de câmeras e fotos, diz Bloomberg Quinta, 22 de Agosto de 2019

Próximo iPhone receberá grande update de câmeras e fotos, diz Bloomberg

Segundo uma reportagem publicada nesta quinta-feira (22) pela Bloomberg, o sucessor do iPhone XS — que, de acordo com rumores, se chamará iPhone 11 Pro — deverá trazer diversas melhorias, tanto de hardware quanto da parte externa do aparelho.

Conforme a Bloomberg relata em sua publicação, o maior foco de venda do aparelho será um conjunto de mudanças no sistema de câmera traseira, que adicionará uma terceira lente às duas que já existem no iPhone XS — que será do tipo ultra-grande-angular — além de um novo software que tornará as fotos e vídeos feitos com o aparelho ainda melhores.

O novo software também trará uma melhoria bem interessante para quem precisa fazer gravações em vídeo, e a reportagem sugere que o aparelho terá um sistema de edição de vídeo “ao vivo”, permitindo que o usuário faça cortes, edite a imagem e até mesmo insira efeitos durante a própria gravação — isso tudo com uma qualidade muito próxima a de câmeras de vídeo profissionais.

-
Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.
-

Já para a fotografia em si também haverá algumas mudanças. Uma delas é como a própria câmera funcionará para fotografias: ao invés de tirar uma única foto de casa vez, a câmera irá capturar três fotos a cada toque do usuário, e usará a IA para fundir essas três imagens em uma só para criar não apenas uma fotografia final melhor, mas também para permitir ao usuário mais opções de edição para a imagem. Também se espera que a câmera ofereça uma resolução de foto maior do que a do iPhone XS, além de ter uma performance melhor do que o atual smartphone da empresa em ambientes de pouca luminosidade.

Render de como deverá ser o iPhone 11

Mas não serão apenas as câmeras traseiras do aparelho que ganharão melhorias: a câmera frontal também passará por mudanças. Um dessas mudanças será no sistema de reconhecimento facial Face ID, que conseguirá reconhecer o rosto dos usuários de maneira mais rápida e numa variedade maior de ângulos. A melhoria seria similar à que a Apple já introduziu ano passado no iPad Pro, e as fontes que revelaram sobre ela não entraram em detalhes sobre se o sistema será igual ao do iPad Pro ou uma melhoria dele.

Além do sistema de câmeras, outra mudança que o iPhone 11 Pro deverá apresentar é a introdução de um coprocessador de matriz AMX, que irá ajudar o processador principal do aparelho a cuidar das tarefas e cálculos mais pesados, como em situações de realidade aumentada e inteligência artificial. A reportagem não fala exatamente qual será esse processador, mas como espera-se que o aparelho utilize um chip A13 de 7 nm, é possível que esse coprocessador seja algo da mesma família.

A reportagem também fala de algumas especificações que já eram esperadas, como a inclusão do carregamento sem fio reverso (usar o aparelho para carregar a bateria de outro smartphone), e uma camada de impermeabilizante que permite que o aparelho sobreviva mais do que 30 minutos embaixo d’água. Além disso, também foi confirmado que o aparelho não terá a função 3D Touch e nem suporte a redes 5G, que deverão retornar apenas nos modelos do iPhone que serão lançados em 2020.

Por enquanto, ainda não se sabe quais dessas mudanças deverá aparecer também no iPhone 11 — o provável sucessor do iPhone XR — mas é sabido que ele ganhará pelo menos o acréscimo de uma câmera traseira (ficando com duas ao invés de uma só) e funcionará com um novo processador A13. Fora isso não se sabe quais dessas melhorias serão exclusivas do Pro, nem mesmo se existirão até no modelo mais básico.

Leia a matéria no Canaltech.

Trending no Canaltech:


Compartilhe: https://tinyurl.com/yxn6jumy